16 DE JULHO DE 2024
Fechar [x]

Projeto busca ajudar mulheres vítimas de violência, em TB

Somente no ano passado, a Polícia Civil registrou 1.499 boletins de ocorrência, no município

09/07/2024 06:00|Por Redação

Somente no ano passado, a Polícia Civil de Tubarão registrou 1.499 boletins de ocorrência de casos de violência doméstica e familiar contra a mulher. No mesmo período, foram requeridas 524 medidas protetivas de urgência, que é uma ordem judicial que busca proteger a mulher e garantir a ela o direito a uma vida sem violência. 

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sair desse ambiente e voltar à rotina não é fácil para essas vítimas. Por esse motivo, um projeto de lei aprovado pela Câmara de Vereadores de Tubarão institui o selo de responsabilidade social “Parceiros das Mulheres”, certificando empresas que priorizam a contratação de mulheres vítimas de violência doméstica. 

“A criação de uma saída destinada a essas mulheres vítimas de violência doméstica que são financeiramente dependentes do agressor lhes daria segurança para quebrar esse ciclo. Ciclo este que, na maioria das vezes, inclui também filhos menores de 18 anos e igualmente dependentes”, relata o texto do projeto, de autoria da vereadora Rita de Cássia de Oliveira, a Ritinha (PSD)

O selo poderá ser concedido às entidades sociais, empresas, entidades governamentais e outras instituições que atuarem em parceria com o município, no desenvolvimento de ações que envolvam a formação, qualificação, preparação e inserção de mulheres vítimas de violência doméstica no mercado de trabalho. 

Sanção  

“A relevância do projeto se faz presente no momento em que se estimula a conquista de espaços no mercado de trabalho para vítimas que poderão, assim, calcar caminho para a sua independência financeira e quebrar o ciclo da violência”, ressalta a vereadora. O projeto, já aprovado em duas votações, segue para a sanção do Executivo.

Quer receber notícias de Tubarão e região? Clique aqui.
Diário do Sul
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a nossa Política de Privacidade. FECHAR