14 DE ABRIL DE 2024
Fechar [x]

Tubaronense faz viagem de 1,8 mil km

Willian Volpato vai dedicar seu tempo e uma viagem para ouvir pessoas que precisam de apoio

03/04/2024 06:00|Por Redação

Por três dias, o destino do tubaronense Willian Volpato Coelho, de 40 anos, será apenas um: chegar até Chuí, na divisa com o Uruguai. Com o propósito de levar mensagens de esperança e conforto para pessoas que possam estar com depressão, ansiedade ou outro problema de saúde mental, Willian parte hoje de Tubarão para sua viagem de carro. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Sua trajetória para essa viagem se intensificou após uma oração. “Estou de férias e pensei em ficar por casa, mais recluso. Porém, fui levado a ir mais longe”, relata.  Segundo Willian, seu intuito é fazer uma viagem mais introspectiva. “Iria ficar em casa orando e escutando algo que fizesse sentido, mas Deus colocou uma chama no meu coração para fazer o Ide. O projeto já está dando frutos mesmo antes de partir, pois já há pessoas me procurando e falando o que estão passando. Pude confortá-las e instruí-las a se tratar, pois saúde mental não é brincadeira”, descreve.

Quanto à viagem, Willian diz que “o que vier é lucro”. “Se Deus colocar duas ou três pessoas no meu caminho que eu possa acalentar o coração delas, sinto que valeu a pena”, comenta. 

No trajeto, o tubaronense vai parar em postos e conversar com quem precisa. Além disso, usará camiseta com os dizeres: Depressão. Ansiedade. Posso orar por você? Posso te dar um abraço?

E o número do seu WhatsApp. “Se a pessoa não quiser falar na hora, sentir vergonha, mas ver meu número, poderá entrar em contato que tentarei confortá-la”, conta. 

Assim que tiver completado a viagem, Willian se prepara para outra, que deve ocorrer em janeiro de 2025, desta vez com a família. “Quero fazer até Ushuaia, no extremo-sul da América do Sul, uma cidade da Argentina conhecida como fim do mundo, sendo a cidade deste continente mais próxima da Antártida. Quero passar a mensagem que depressão e ansiedade têm tratamento. É uma doença e tem que ser tratada”, destaca.  

Ajuda no dia a dia 

Funcionário da prefeitura, Willian trabalha há 12 anos transportando pacientes para tratamento fora da cidade. Ele leva pessoas para radioterapia, quimioterapia, transplantes e outros casos. Para ele, ajudar as pessoas é um de seus propósitos.

Quer receber notícias de Tubarão e região? Clique aqui.
Diário do Sul
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a nossa Política de Privacidade. FECHAR