24 DE MAIO DE 2024
Fechar [x]

Chuva forte é esperada para a região

Os acumulados previstos para os próximos dias superam bastante a média de chuva para abril

12/04/2024 06:00|Por Redação
Foto: Elvis Palma/DS

Nos próximos dias há previsão de chuva persistente e volumosa no Estado. Os acumulados previstos para os próximos dias superam bastante a média de chuva para abril. 

São esperados de 200 mm até o domingo em algumas regiões, sendo a sexta-feira e o sábado os dias mais críticos, ou seja, os dias em que a chuva deve ser mais intensa e volumosa. 

Na região, de acordo  com a Epagri, o risco é alto para ocorrências como alagamentos, deslizamentos, inundações e enxurradas. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A previsão indica tempo chuvoso até a próxima terça-feira, quando uma frente fria avançará pela região Sul do Brasil, provocando chuva em todas as regiões catarinenses. 

A Secretaria da Proteção e Defesa Civil de Santa Catarina reitera que é fundamental a população acompanhar diariamente as atualizações e notas da Epagri/Ciram. Além disso, a meteorologia aponta vento mais intenso, com rajadas de 80 a 90km/h, entre sábado e segunda-feira. Ressalta-se que especialmente de Florianópolis ao Sul e afastado da costa o vento será forte e persistente, com rajadas de 90 e 100 km/h no domingo e segunda-feira.

A condição é desfavorável para a navegação de pequenas e médias embarcações e para outras atividades no mar.

Orientação de autoridades locais é ficar em alerta e em local seguro

A possibilidade de chuvas intensas nos próximos dias faz com que a prefeitura de Tubarão, por meio da secretaria de Proteção e Defesa Civil, fique em estado de alerta. Os modelos meteorológicos indicam que as precipitações mais intensas aconteçam a partir deste sábado, na região litorânea, inclusive em Tubarão.

Esse cenário exige que a população fique atenta às informações oficiais do município e possa estar preparada com ações individuais para minimizar os efeitos de um possível agravamento da situação, que pode causar alagamentos ou deslizamentos.

De acordo com o coordenador regional da Defesa Civil, Anderson Cardoso, é preciso seguir algumas orientações para segurança. “Primeiro, a pessoa deve se manter informada para combater as fake news. E se tem dúvida daquela informação, procure os sites oficiais, procure pessoas que são da área, que filtrem essa informação, para que a gente consiga combater essa situação. Isso é uma ação não estrutural”, esclarece Anderson. 

 Ainda conforme ele, trabalhar com os planos de contingência, com os municípios, para que o município consiga, de fato, atender à população afetada, identificando as rotas de fuga, os pontos de encontro, os abrigos. “Quem pode atender, quais são as ações que deverão ser tomadas, etc. Além disso, se houver, de fato, uma elevação das águas, independentemente se é alagamento ou inundação, não trafegue nessas áreas. Procure um local seguro, aguarde as águas baixarem”, orienta Anderson. 

Telefones

Em caso de emergência a população pode acionar a Defesa Civil pelos telefones 199 ou 3621-9060 ou, ainda, o Corpo de Bombeiros no 193.

Quer receber notícias de Tubarão e região? Clique aqui.
Diário do Sul
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a nossa Política de Privacidade. FECHAR