22 DE JUNHO DE 2024
Fechar [x]

Sede própria deve ficar para a próxima legislatura

Obra segue sem prazo para iniciar. Expectativa é que comece no ano que vem

22/05/2024 06:00|Por Redação

A expectativa era para dar início às obras ainda em 2022, mas a nova sede própria da Câmara de Vereadores de Tubarão deve começar a sair mesmo do papel somente na próxima legislatura, a partir do ano que vem, segundo o presidente da Casa, Gelson Bento.

O projeto arquitetônico já está pronto, faltando a licitação para dar início aos trabalhos. A obra estava orçada, a princípio, em R$ 8 milhões, segundo estimativas de 2021, quando o projeto foi apresentado. “Mas o valor vai ser editado pela licitação, que deverá ser feita pelo próximo presidente da Câmara, já que este ano não será mais possível”, explica.

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Com aproximadamente 2,6 mil metros quadrados, a nova estrutura será construída em um terreno cedido pelo município próximo à Arena Multiuso. O Ministério Público e o Ministério do Trabalho também construirão suas sedes nas proximidades.

Atualmente, a Câmara ocupa uma casa cedida pela Engie, que poderá requerer o imóvel a qualquer momento. De acordo com Gelson Bento, é importante destacar que a obra será um bem público e não apenas para os vereadores usufruírem.

Construção  

Segundo o projeto apresentado em 2021, a construção será dividida em dois blocos, com a ala do plenário e gabinetes e a parte administrativa. Serão construídos gabinetes, salas de reuniões, espaço para eventos, salas para os setores de RH, jurídico e contabilidade, auditório com capacidade para 100 lugares, plenário com galeria para cerca de 80 pessoas, entre outros espaços para fazer seminários, convenções etc. 

“Já fizemos vários orçamentos, empresas já se posicionaram, mas com todo o momento político pelo qual a cidade passou e ainda está passando, acredito que o projeto terá continuidade apenas a partir do próximo ano. “Será como um pontapé inicial da próxima legislatura. Serão quatro anos inteiros para fazer a obra, que pode iniciar e ser concluída neste período”, pontua Gelson Bento.

Número de vereadores

Também deve ficar para a próxima legislatura o aumento de 15 para 17 vereadores na Câmara de Tubarão. A expectativa era para uma mudança já nestas eleições municipais, mas não se confirmou. No final do ano passado, uma movimentação chegou a tomar corpo, mas de acordo com o presidente da Casa, Gelson Bento, o projeto só iria para votação se houvesse unanimidade entre os atuais legisladores, o que acabou não ocorrendo. “De qualquer forma, acredito que esta será uma discussão para a próxima legislatura, onde haverá mais tempo para a ideia ser amadurecida e discutida, inclusive com a população”, completa.

Quer receber notícias de Tubarão e região? Clique aqui.
Diário do Sul
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a nossa Política de Privacidade. FECHAR