14 DE ABRIL DE 2024
Fechar [x]

Educação mais valorizada na cidade

Em Capivari de Baixo, qualquer profissional habilitado com nível superior não ganhará salário inferior R$ 4.641,54

29/03/2024 06:00|Por Redação

Na comemoração dos 32 anos de Capivari de Baixo, uma das maiores conquistas, segundo a prefeita Márcia Roberg Cargnin, é, sem dúvida, a valorização dos profissionais da educação, com a aprovação da lei municipal de valorização do magistério.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A lei era muito esperada – e defendida – pelos profissionais há mais de dez anos. A partir da sanção foi possível efetivar a valorização de toda a carreira destes profissionais e a inclusão de mais duas letras de acesso aos que estão em final de carreira.

Em Capivari de Baixo, qualquer profissional habilitado com nível superior não ganhará salário inferior R$ 4.641,54, mais o vale alimentação de R$ 500, portanto, um total de R$ 5.141,54. Se incluído o valor da regência de classe (mais 10% sobre o salário base), de R$ 464,16, o salário atingirá R$ 5.605,74. O piso nacional é de R$ 4.420,55.

A reivindicação era antiga e nosso governo, após um estudo minucioso de impacto financeiro, conseguiu contemplar a categoria com a efetivação de direitos e de benefícios, que eles vinham ao longo do tempo perdendo, com uma tabela descompatibilizada, uma tabela salarial que tinha complementos, na qual era incluída a regência de classe para cômputo do piso”, esclarece a prefeita Márcia.

 

Quer receber notícias de Tubarão e região? Clique aqui.
Diário do Sul
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a nossa Política de Privacidade. FECHAR