MENU

CANAL DS


 
 


Cai aqui, Beto vira hit no Facebook


TUBARÃO – Fazer humor com assuntos sérios é um traço tipicamente brasileiro. Isso ajuda em partes a explicar o sucesso da campanha “Cai aqui, Beto”, lançada por um grupo de publicitários de Tubarão no Facebook. A ideia surgiu após um comentário a respeito do acidente ocorrido com o empresário Beto Lima, de Tubarão, que caiu da ponte de Congonhas. Depois do acidente, o tema: nova ponte de Congonhas voltou à discussão e a nova promessa é de assinar em breve um novo convênio e licitar a ponte. “Eu fiz um comentário no Facebook que o Beto deveria cair em mais lugares para que os políticos dessem respostas à população sobre os mais variados problemas. Aí, os meus amigos começaram a curtir e, conversando com outros colegas publicitários e com a minha esposa (a jornalista Maitê Lemos), resolvemos criar a campanha Beto cai aqui”, conta o publicitário Philippe Costa Alexandrino. Em pouco mais de quatro horas, Philippe e os colegas elaboraram a logo e a arte para os cartazes para serem afixados pela população nos pontos críticos. Já a parte de internet, com a criação da fan page no Facebook, ficou a cargo de Maitê. Em cerca de sete horas, mais de 165 pessoas tinham curtido a fan page e já tinham sido feitos mais de 85 compartilhamentos, principalmente de fotos. Segundo Maitê, é possível que a expressão “Cai aqui, Beto” torne-se bastante utilizada nas mídias sociais como o Facebook e o Twitter, a exemplo do que ocorreu com “menos a Luiza que está no Canadá”, expressão usada em uma propaganda da venda de imóveis em João Pessoa, na Paraíba, e virou hit na internet. “Acho que pode virar aqui também. Criamos a página hoje de manhã (ontem) e já temos quase 100 fãs. Isso que só está sendo divulgado no Facebook mesmo, por enquanto. O objetivo é levantar a discussão sobre os pontos críticos mesmo e também instigar os empresários, que têm poder econômico, a usar desse poder para benefício da sociedade. O certo seria que todas as reclamações fossem ouvidas, sendo de um megaempresário ou de uma dona de casa, mas já vimos que isso não acontece”, observa Maitê. Durante o dia, foram postadas duas reclamações: uma da rua 12 de Outubro, no Passo do Gado, com problemas de esgoto a céu aberto e um muro que ameaça cair; a precariedade da rua Tereza Cristina, ao lado dos trilhos; e entre as sugestões de como participar da campanha está a obra de duplicação da BR-101, com uma foto feita pelo fotógrafo do DS, Lougans Duarte, nas filas no lote 25, no sentido sul/norte. Imagens cedidas: TVBV







 




Paginação: [ 1 ] 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26







MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL