MENU

NOTÍCIAS


TODAS | EDIÇÃO DE HOJE | DA REDAÇÃO | DIVERSÃO | ESPORTES | GERAL | POLÍTICA | SEGURANÇA

17/06/2019, 06:00

Dentistas devem entrar em greve na quarta-feira


 
redacao@diariodosul.com.br
Dê a sua opinião
Comentários ou sugestões
Envie esta
notícia por e-mail
 

Dentistas e auxiliares de consultórios, contratados pela prefeitura de Laguna, devem parar as atividades na próxima quarta-feira. Segundo os profissionais, que estão em estado de greve, a falta de reajuste dos salários será o principal motivo da paralisação.

Uma nota divulgada pelos profissionais afirma que o salário de um assistente de saúde bucal no município é equivalente a R$ 1.100, por exemplo. O valor é apontado por eles, ainda na nota, como muito abaixo do piso aplicado no setor privado.
“Muitas tentativas de acordo foram demandadas pelos dentistas e auxiliares, ao longo destes três últimos anos de gestão, porém nenhuma delas obteve êxito”, completa o documento divulgado pelos dentistas à população. Por isso, eles decidiram, “juridicamente respaldados pelo Sindicato dos odontologistas de SC”, que a greve terá início no dia 19 de junho.
A nota ressalta ainda que as orientações sobre atendimentos e agendamentos devam ser esclarecidas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS). Os profissionais pedem à população desculpas “e um pedido de voto de confiança para que, dessa forma, rapidamente possamos voltar ao nosso atendimento normal”.

O que diz a Prefeitura
A nota dos dentistas da rede municipal de Laguna aponta ainda outras reivindicações da classe, como um maior número de cotas para exames solicitados, mais unidades de saúde com atendimento odontológico, menor rotatividade de dentistas nas unidades, melhores estruturas e valorização profissional.
Ontem, em entrevista ao DS, o prefeito de Laguna, Mauro Candemil, explicou que, por enquanto, não há expectativa para o reajuste salarial. “Não deixamos de dialogar com a classe, mas também não temos como firmar compromisso. Acabamos de enfrentar problemas no temporal da última semana de maio, que causou prejuízo de mais de R$ 5 milhões. Estamos honrando a folha de pagamento e acertando os salários em dia. Adiantamos 50% do décimo terceiro, e já houve aumento para quatro categorias (auxiliar de enfermagem, técnico em enfermagem, enfermeiro e guarda municipal). Se atendermos a todas as categorias, ficaremos sem caixa”, disse Mauro.
O prefeito ressaltou ainda que a Procuradoria Geral do Município vai avaliar a legitimidade da greve.



Veja tudo sobre: greve, dentista, laguna, prefeitura
 


OUTRAS NOTÍCIAS



DIVERSÃO

Tubarão recebe palestrante da Rede Globo

17/06/2019, 06:00

ESPORTES

Judoca de TB é convocada para Seleção Catarinense

17/06/2019, 06:00

SEGURANÇA

Acusado de incêndio é preso

17/06/2019, 06:00

GERAL

CEI ganha novas estruturas e beneficia comunidade

17/06/2019, 06:00







MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL