MENU

NOTÍCIAS


TODAS | EDIÇÃO DE HOJE | DA REDAÇÃO | DIVERSÃO | ESPORTES | GERAL | POLÍTICA | SEGURANÇA

09/05/2019, 06:00

Vacinação contra raiva será aplicada na região


 
redacao@diariodosul.com.br
Dê a sua opinião
Comentários ou sugestões
Envie esta
notícia por e-mail
 


Após a constatação da morte de uma mulher de 58 anos em Gravatal, no sábado, vítima de raiva humana, cães e gatos do município, e também de Capivari de Baixo e Pescaria Brava,  serão imunizados contra raiva a partir de hoje.

De acordo com a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive-SC), os animais precisam ser vacinados por prevenção, já que esta moradora da área rural de Gravatal morreu após ser mordida por um gato infectado. Foi o primeiro caso confirmado por raiva humana desde 1981, segundo a Dive-SC.

As equipes da vigilância epidemiológica irão até as casas das pessoas para realizar a imunização dos animais. A estimativa é que a ação ocorra pelos próximos 15 dias, e passará por 15 bairros dos três municípios.

As casas visitadas ficam a um raio de distância de cinco quilômetros de onde morava a vítima, no bairro Indaial, em Gravatal. Todos os animais abordados devem ser vacinados, de acordo com a Dive-SC. Caso o dono do bicho recuse o ato, vai precisar assinar um termo de compromisso. A vacina contra a raiva é aplicada somente em animais.

Em Tubarão, segundo a prefeitura, todos os animais da Unidade de Vigilância do Zoonoses estão vacinados, e a Fundação Municipal de Saúde está tentando com o Ministério da Saúde mais doses para vacinar os animais de rua.

 

Imunização

A Dive-SC afirma que, caso a pessoa seja mordida por um animal, deve procurar uma Unidade de Saúde. No local, os médicos vão analisar o que é melhor para o paciente, se é tomar uma vacina ou o soro antirrábico. A vacinação de todos os cães e gatos é a forma mais eficaz de proteção contra a doença. A médica veterinária da Dive-SC Alexandra Schlickmann Pereira diz que a população deve ficar atenta ao comportamento dos animais de estimação. Alterações como inquietação, aumento da agressividade, paralisias dos membros e medo da luz devem ser observadas e comunicadas à  secretaria municipal de Saúde.



Veja tudo sobre: raiva humana, saúde, vacinação
 


OUTRAS NOTÍCIAS



ESPORTES

Em casa, Leão conquista vitória por 1 a 0

09/05/2019, 06:00

GERAL

580 atletas participam de maratona

09/05/2019, 06:00

GERAL

Área Azul será tema de reunião na Acit

09/05/2019, 06:00

GERAL

Realização do sonho para 68 casais

09/05/2019, 06:00







MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL