MENU

NOTÍCIAS


TODAS | EDIÇÃO DE HOJE | DA REDAÇÃO | DIVERSÃO | ESPORTES | GERAL | POLÍTICA | SEGURANÇA

24/04/2019, 06:00

O deboche saiu caro


 
redacao@diariodosul.com.br
Dê a sua opinião
Comentários ou sugestões
Envie esta
notícia por e-mail
 

Um passageiro de ônibus que não conseguiu chegar ao seu destino será indenizado por ter sido convidado pelo motorista, em tom de deboche, para que seguisse o trajeto caminhando. A decisão é da comarca de Imaruí. A parada inesperada aconteceu 30km antes do local desejado, quando o ônibus atolou entre Tubarão e Imaruí, em maio de 2017. Além da atitude pouco solícita do motorista, os passageiros foram deixados em local ermo, sem residências e sinal de telefone, e tiveram que caminhar por duas horas até chegarem à comunidade mais próxima.

Indenização
Conforme a decisão da juíza Cíntia Ranzi Arnt, houve descaso da empresa com os passageiros, que pagaram pelo serviço e foram completamente abandonados. O homem será indenizado em R$ 8 mil em danos morais, além de danos materiais no valor da passagem, acrescida de juros e correção monetária.

Cartaz no lugar do sino
Uma placa foi colocada no alto da escada do Museu Histórico Anita Garibaldi, em Laguna, para indicar onde existia o sino e explicar que ele foi furtado em 2016. A peça era do período colonial da cidade, por volta do século 17. Até hoje, nunca explicaram como um sino pesado e tão peculiar desapareceu, mas o fato deixa explícita a falta de segurança e de monitoramento com o rico acervo que Laguna tem.

Voando
Durante fiscalização na BR-101, em Imbituba, policiais rodoviários federais flagraram ontem um Honda Civic, com placas de Joinville, transitando a 185 km/h. A velocidade máxima no local, para veículos leves, é de 110km/h. Além da multa de R$ 880,41 e sete pontos na CNH, o condutor pode ter o direito de dirigir suspenso. Nesta velocidade, o condutor dificilmente conseguiria parar o veículo antes de evitar um atropelamento de pedestre, colisão contra animal na pista ou desviar de qualquer outro acidente que possa acontecer à sua frente.

Engajados
São Ludgero está empenhada em imunizar um total de 2.901 pessoas contra a influenza (gripe). A campanha no município teve início em abril, e segue até 31 de maio. O Dia D contra a influenza acontecerá no dia 4. A sala de vacinas funciona na ESF margem esquerda, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h30, sem fechar ao meio-dia.

Sem reversão
Nem mesmo o ministro do STF, Gilmar Mendes, pode ajudar João Rodrigues (PSD) a ocupar o cargo de deputado federal. Na noite de segunda-feira, foi negado por Gilmar o pedido da defesa de Rodrigues para que obrigasse a Justiça Eleitoral a diplomá-lo, com base em decisão do próprio ministro, que suspendeu sua inelegibilidade. Gilmar Mendes alegou que a elegibilidade era apenas uma das condições que a Justiça Eleitoral, a quem cabe a decisão de fazer a diplomação, deveria averiguar ao analisar o pedido. Ao elencar essas condições, o ministro cita explicitamente que cabe ao Tribunal Regional Eleitoral e ao Tribunal Superior Eleitoral avaliar “a própria possibilidade de se deferir o pleito após o prazo fixado pela legislação e a expedição de diploma a outro candidato”.



Veja tudo sobre: indenização, imaruí, sino, laguna, br-101, são ludgero, gripe, stf
 


OUTRAS NOTÍCIAS



GERAL

Realização do sonho para 68 casais

24/04/2019, 06:00

GERAL

Baleia jubarte é encontrada morta

24/04/2019, 06:00

ESPORTES

Em casa, Leão conquista vitória por 1 a 0

24/04/2019, 06:00

GERAL

580 atletas participam de maratona

24/04/2019, 06:00







MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL