MENU

NOTÍCIAS


TODAS | EDIÇÃO DE HOJE | DA REDAÇÃO | DIVERSÃO | ESPORTES | GERAL | POLÍTICA | SEGURANÇA

06/04/2019, 06:00

Após cancelamento, peça será em TB


Guilherme Corrêa 
redacao@diariodosul.com.br
Dê a sua opinião
Comentários ou sugestões
Envie esta
notícia por e-mail
 


O humorista Léo Lins fará neste sábado, em Tubarão, a apresentação da peça “Bullying Arte Stand Up Comedy”. O espetáculo vai acontecer no teatro da Arena Multiuso, às 20h, mesmo dia e horário em que seria o show em Capivari de Baixo, cancelado na última quinta-feira.

“Não foi difícil achar um novo local. A cidade se mobilizou e ficou do lado do Léo. Muitas pessoas começaram a entrar em contato com ele e comigo, até pra sugerir um local que pudesse receber a peça. Fomos obrigados a mudar a apresentação de cidade, até porque não tinha espaço, outro local em Capivari de Baixo. Mas pegamos um espaço maior, e o público também aumentou”, conta a empresária de Léo Lins, Jaqueline Muniz.

A apresentação estava agendada para o teatro do Parque Ambiental Encantos do Sul. O show foi cancelado, segundo o próprio artista, após ele publicar um vídeo, na última quarta-feira, no qual conta histórias e fatos de Capivari de Baixo através do relato dos moradores da cidade – situação que acontece com todas as cidades visitadas pela peça.

“Anos atrás, uma empresa termoelétrica chegou à região, instalou várias câmeras, e até quem conversa no trânsito leva multa. A cidade tem 24.689 habitantes, sendo 24 mil capivaras. Na entrada, ao invés de uma placa “bem-vindo a Capivari”, tem uma escrito “não fale com o motorista”. Até a década de 40, Capivari era uma região agrícola. O produto mais cultivado até hoje é o buraco de rua”, diz o humorista em parte do vídeo, publicado em suas redes sociais.

Na quinta-feira, o humorista postou em suas redes sociais que a censura vinha por parte da prefeitura de Capivari de Baixo, que preferiu não se manifestar sobre o assunto. A informação repassada pelo Parque Ambiental Encantos do Sul é de que a decisão do cancelamento não partiu deles. A Produto Eco disse que o cancelamento aconteceu devido à opção da equipe de produção local em contato com a Agência Hausen de não realizar o evento, por razões comerciais. A Agência Hausen, produtora do evento, disse que a empresária do artista seria a pessoa mais indicada para falar sobre o caso.

ÁUDIO PEDE BOICOTE A PEÇA
Na sexta-feira, Léo Lins publicou um áudio, no Instagram, em que, supostamente, um vereador de Capivari de Baixo fala sobre um boicote, por parte da classe política da cidade, ao humorista.

“Essa comédia que está saindo aí nos grupos e já colocaram no Face também... tem que fazer uma nota de repúdio contra esse humorista aí, cara. Nós, vereadores, juntamente com o prefeito mesmo, assinar uma nota de repúdio e não deixar vir esse tipo de comédia pra Capivari, denegrindo a imagem dos vereadores, dos representantes do povo, e até mesmo do prefeito, dizendo que a cidade é considerada a cidade dos buracos”, diz o suposto vereador no áudio.

Segundo Léo, a autoria do áudio seria do vereador Cristiano Praxedes. O DS entrou em contato com o vereador. Por telefone, Praxedes disse que não poderia falar, que estava dirigindo, em viagem, e só poderia falar sobre o suposto áudio na segunda-feira. Ainda na sexta-feira, o humorista agradeceu pelo Instagram a matéria feita pelo DS falando sobre o que ele chamou de censura à apresentação.



Veja tudo sobre: boicote, humorista, show
 


OUTRAS NOTÍCIAS



GERAL

Meningite: Imbituba segue sem aulas até segunda

06/04/2019, 06:00

SEGURANÇA

Bombeiros são homenageados

06/04/2019, 06:00

GERAL

Católicos celebram Corpus Christi nesta quinta-feira

06/04/2019, 06:00

ESPORTES

Tubarão Futsal cobra apoio ao esporte

06/04/2019, 06:00







MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL