MENU

NOTÍCIAS


TODAS | EDIÇÃO DE HOJE | DA REDAÇÃO | DIVERSÃO | ESPORTES | GERAL | POLÍTICA | SEGURANÇA

08/03/2019, 06:00

Artigo: a arte exposta


 
redacao@diariodosul.com.br
Dê a sua opinião
Comentários ou sugestões
Envie esta
notícia por e-mail
 


Valmiré Rocha dos Santos
Professor e escritor

Em Florianópolis, encontra-se aberta à visitação do público em geral a exposição de artes “Zumblick – O Pintor da História Catarinense”. Está situada em espaço específico criado pelo Ministério Público de Santa Catarina, no saguão de entrada do edifício de sua nova sede administrativa, na rua Bocaiúva, e se constitui em área de exposição continuada de artistas aqui da terra.

Para inaugurar esse importante espaço destinado às artes catarinenses, a instituição, em parceria com a prefeitura de Tubarão e a família do artista, selecionou trabalhos do consagrado Willy Zumblick, que, em sua grandiosa obra, registrou, como nenhum outro, a história, a geografia, o folclore, os usos e costumes do Estado e da gente catarinense.

Vejo que, com esta admirável iniciativa, o MP, como instituição pública que é, propõe contribuir para a preservação e disseminação do nosso patrimônio histórico e da nossa cultura, trazendo as artes até o público, e, por consequência, aproximando toda a gente do convívio com elas.

A propósito, o mesmo artista tubaronense Willy Zumblick, cujas obras – de caráter e valor histórico e cultural inestimáveis – estão no espaço “Arte Catarinense”, afirmava que “a preservação do patrimônio cultural de um povo exige dos poderes públicos homens com determinação”. Estimulava, também, que “preservar o patrimônio artístico e histórico não é só obrigação do governo – todos devem participar”.

Nessa direção, mostrando, divulgando, o MPSC insere-se no pensar de Zumblick e engaja-se com “determinação” na tarefa de preservação e promoção da arte catarinense. É propósito atrair escolas e projetos sociais para visitação e conhecimento da nova sede, das finalidades da instituição, assim como também é importante a identificação de passagens da nossa história registradas em obras de arte.

É de todo louvável, assim pensamos, essa nova realidade que se constitui em exemplo a ser compartilhado e seguido por outras instituições (e com outros artistas) e por todos nós, cidadãos.



 


OUTRAS NOTÍCIAS



GERAL

Conscientização marca Dia da Água

08/03/2019, 06:00

GERAL

Modelo de Orleans é destaque internacional

08/03/2019, 06:00

GERAL

MPF diz que casas estão em local irregular

08/03/2019, 06:00

ESPORTES

Leão deixa escapar vitória

08/03/2019, 06:00







MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL