MENU

NOTÍCIAS


TODAS | EDIÇÃO DE HOJE | DA REDAÇÃO | DIVERSÃO | ESPORTES | GERAL | POLÍTICA | SEGURANÇA

21/02/2019, 06:00

Poucas soluções


 
redacao@diariodosul.com.br
Dê a sua opinião
Comentários ou sugestões
Envie esta
notícia por e-mail
 

São tantos escândalos em apenas dois meses na “nova política” que as semelhanças com tudo que estava no poder acabam ficando mais nítidas. O desgaste, as denúncias, áudios e a troca de xingamentos públicos estão se sobressaindo às medidas para soluções de problemas. A tentativa de fazer “nova política” também tem fracassado na nomeação de cargos. Muitos dos escolhidos são da tão criticada “velha política”, o que mostra uma grande aproximação entre o PSL e o MDB, por exemplo.

O que mudou?
O caso mais recente foi do senador Fernando Bezzerra (MDB-PE), escolhido pelo presidente Bolsonaro para ser líder do governo no Senado Federal. Bezerra ocupou a mesma função nos últimos meses do governo de Michel Temer e ele também foi ministro da Integração Nacional no governo de Dilma Rousseff (PT). Em Santa Catarina, o próprio MDB emitiu nota proibindo filiados de aceitar cargos no governo após a permanência de Paulo Eli na pasta da Fazenda.

Visita
A nova diretoria do Sebrae/SC visitou Tubarão na manhã de ontem. O objetivo foi conhecer as demandas e estreitar o relacionamento com a região. “Vamos focar a nossa gestão para promover a qualificação dos empresários, incentivá-los a buscar capacitação e conhecimento”, afirmou o diretor Carlos Henrique Ramos Fonseca.

Escola Tomé
Representantes comunitários de Tubarão se reuniram com a deputada estadual Luciane Carminatti, presidente da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa, para solicitar apoio na luta contra a desativação da escola Tomé Machado Vieira, em Oficinas. A deputada vai solicitar agenda com o secretário de Estado da Educação, Natalino Uggioni.

Diretor regional
O secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável e Turismo (SDS), Lucas Esmeraldino, foi eleito diretor da Regional Sul do Conselho Nacional de Secretários Estaduais para assuntos de CT&I (Consecti). O pleito foi realizado ontem durante a reunião nacional da entidade, organizada na sede do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), em Brasília.

Indicado
O engenheiro Sandro Ricardo Levandoski é o nome apontado para assumir a diretoria de Distribuição da Celesc em substituição ao engenheiro Vitor Lopes Guimarães. Natural de Tubarão e residente na cidade, Sandro é engenheiro eletricista concursado e funcionário de carreira há 31 anos. “Estou muito feliz, é um reconhecimento ao meu trabalho e um incentivo aos outros engenheiros da empresa”, disse Sandro. O nome de Levandoski ainda será submetido ao Comitê de Elegibilidade e ao Conselho de Administração da Celesc.



 


OUTRAS NOTÍCIAS



ESPORTES

Ciclista tubaronense participará de prova internacional

21/02/2019, 06:00

GERAL

Recurso de R$ 30 milhões irá acelerar crescimento de TB

21/02/2019, 06:00

ESPORTES

Corrida do Bem reúne mais de 560 atletas em Tubarão

21/02/2019, 06:00

SEGURANÇA

Foragido do presídio é preso pela PM

21/02/2019, 06:00







MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL