MENU

NOTÍCIAS


TODAS | EDIÇÃO DE HOJE | DA REDAÇÃO | DIVERSÃO | ESPORTES | GERAL | POLÍTICA | SEGURANÇA

01/02/2019, 06:00

Calor em vestiário vira motivo de reclamação


 
redacao@diariodosul.com.br
Dê a sua opinião
Comentários ou sugestões
Envie esta
notícia por e-mail
 


O jogo do Peixe contra a Chapecoense, na última quarta, terminou em 3 a 3. O empate aconteceu no dia mais quente registrado esta semana em Tubarão. Os termômetros chegaram aos 40°C, o que motivou reclamações de várias lados, inclusive do técnico da Chape.

Após a partida, válida pela quinta rodada do Campeonato Catarinense, Claudinei Oliveira deu uma entrevista à imprensa falando sobre o resultado do jogo e citou o forte calor dentro do vestiário do estádio Domingos Silveira Gonzales.

“O nosso time tem pegada, mas faltou isso. O vestiário é um forno, não tem um ventilador. Sei que não é obrigação do clube colocar e não sei se isso influenciou alguma coisa, mas estava bem quente. Então, às vezes, o jogador entra um pouco mais sonolento que o normal, abafado. Não é pra acontecer e não estamos justificando nada, não. Independentemente de qualquer coisa, a gente tem que se dedicar e tem que fazer o que estamos acostumados a fazer”, disse o técnico da Chape.



 


OUTRAS NOTÍCIAS



ESPORTES

Ex-Tubarão Futsal se destaca fora do país

01/02/2019, 06:00

GERAL

Vias transversais passam a ter sentido único

01/02/2019, 06:00

SEGURANÇA

Cão é resgatado de bueiro

01/02/2019, 06:00

GERAL

Empresa belga inaugura base operacional

01/02/2019, 06:00







MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL