MENU

NOTÍCIAS


TODAS | EDIÇÃO DE HOJE | DA REDAÇÃO | DIVERSÃO | ESPORTES | GERAL | POLÍTICA | SEGURANÇA

01/02/2019, 06:00

Júlio Garcia deve ser o presidente da Alesc


 
redacao@diariodosul.com.br
Dê a sua opinião
Comentários ou sugestões
Envie esta
notícia por e-mail
 


Da região, dois deputados irão assumir hoje, Volnei Weber (MDB), ex-prefeito de São Ludgero, e Felipe Estevão (PSL), de Laguna. Além deles, Júlio Garcia, que também tem ligação com a região e morou durante anos em Tubarão, assume como deputado. Ele  deve ser eleito como o presidente da Assembleia Legislativa de Santa Catarina.

A sessão de posse dos 40 deputados estaduais eleitos nas eleições de outubro acontece hoje, às 9h, na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, em Florianópolis. De acordo com o regimento interno da Alesc, a sessão será presidida pelo parlamentar com mais idade entre os de maior número de legislaturas completas na casa, no caso, o deputado do MDB Romildo Titon, que proclamará o nome dos deputados eleitos.

Minutos depois da posse acontece a eleição do presidente da Alesc, para o biênio 2019/2021. As candidaturas são apresentadas logo na abertura. Ontem, foi feita uma conversa entre os partidos que já formaram uma chapa para a mesa diretora da Casa, presidida pelo deputado Júlio Garcia (PSD). Este era o consenso até o fechamento desta edição.

De acordo com o deputado, até o momento há apenas uma chapa para a eleição. “Pode ser que apareça alguma no último minuto, já que é possível se apresentar minutos antes da votação. Mas por enquanto estamos em chapa única”, pontuou.

Depois de eleito o presidente, ele assume de imediato e encerra a sessão. Em seguida, o presidente irá fazer uma segunda sessão preparatória, mas desta vez para a eleição dos demais membros da mesa.

Segundo Júlio Garcia, os trabalhos serão regidos com base na transparência e austeridade, “e devem seguir caminhando de acordo com os novos tempos que surgiram na política”, destacou.

O deputado ainda acrescenta que, caso se confirme sua presidência na Alesc, continuará em frente com o papel da Casa, que é ser independente e andar em total harmonia com os poderes. “Nem alinhar, nem desalinhar com o governo”, concluiu.

 

Trinta dias de governo

O governador Carlos Moisés e a vice Daniela Reinehr completaram 30 dias no comando do Estado de Santa Catarina. Durante o período, o foco foi direcionado ao enxugamento da máquina pública,  à racionalização de gastos, à otimização dos recursos e ao combate à corrupção para garantir maior eficiência nos investimentos em áreas prioritárias, como a infraestrutura. Além disso, a escolha dos integrantes do primeiro escalão obedeceu a critérios técnicos, para que, em todas as áreas, o melhor serviço público possa ser prestado ao cidadão catarinense. A nova gestão também começou preocupada com a acessibilidade, com a tradução simultânea de alguns eventos pela Língua Brasileiro de Sinais (Libras).



Veja tudo sobre: alesc
 


OUTRAS NOTÍCIAS



GERAL

Recurso de R$ 30 milhões irá acelerar crescimento de TB

01/02/2019, 06:00

ESPORTES

Futsal: Tubarão empata fora de casa

01/02/2019, 06:00

ESPORTES

Brusque vence e Peixe garante Série D

01/02/2019, 06:00

GERAL

Clínica oferece teste rápido de hepatite

01/02/2019, 06:00







MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL