MENU

NOTÍCIAS


TODAS | EDIÇÃO DE HOJE | DA REDAÇÃO | DIVERSÃO | ESPORTES | GERAL | POLÍTICA | SEGURANÇA

08/11/2018, 06:00

Proposta de aumento gera polêmica em Capivari


 
redacao@diariodosul.com.br
Dê a sua opinião
Comentários ou sugestões
Envie esta
notícia por e-mail
 


Uma votação na Câmara de Vereadores de Capivari de Baixo nesta semana está gerando polêmica no município. Com apenas dois votos contrários, a Casa aprovou, em primeira votação, o aumento do duodécimo (valor destinado pela prefeitura ao Legislativo) de 4,6% para 7%. A decisão da maioria vai na contramão do que vem ocorrendo em muitas câmaras e também dos anseios da população, que quer redução de custos.

De acordo com um dos vereadores que votou contra o aumento, Herivelton Silva de Souza, o China (PP), o valor arrecadado, de 4,6% –que dá algo em torno de R$ 280 mil –, já é mais do que suficiente para a casa se manter. A justificativa apresentada pelos vereadores favoráveis ao aumento, segundo China, de usar os recursos para a reforma da Casa e para a compra de um veículo, não cabe, uma vez que já existe recurso para isso. “A época é para fechar as torneiras, e não para abrir”, pontua. O outro vereador contrário ao aumento foi Thiago Torquato Viana.

Segundo um dos vereadores favoráveis ao aumento, Cristiano Praxedes, o que aconteceu, no entanto, foi um grande mal-entendido. “Na realidade, houve uma confusão de comunicação entre prefeito e vereadores. A prefeitura sempre repassou os 7%, o que votamos foi justamente a manutenção deste percentual”, alega. “Os 4,6% apresentados são fruto de um gráfico apresentado em uma audiência pública que apresentou esta fatia como valor bruto gerado”, argumenta.

O presidente da Câmara, Adam Dutra Machado, diz que, em virtude de presidir a Casa, ele não vota (apenas em caso de empate), mas que não considera o aumento algo correto a ser feito. “No ano passado, inclusive, eu propus a redução deste repasse. E este ano devo devolver aos cofres públicos algo em torno de R$ 200 mil, portanto não considero que este aumento seja necessário”, pontua.



Veja tudo sobre: capivari de baixo, cãmara de vereadores
 


OUTRAS NOTÍCIAS



ESPORTES

Hercílio põe ingressos à venda para final

08/11/2018, 06:00

DIVERSÃO

Gravatal conquista Selo Prodetur+Turismo

08/11/2018, 06:00

SEGURANÇA

Dupla tenta fuga e é detida

08/11/2018, 06:00

GERAL

ADRs serão desativadas em 2019

08/11/2018, 06:00







MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL