MENU

NOTÍCIAS


TODAS | EDIÇÃO DE HOJE | DA REDAÇÃO | DIVERSÃO | ESPORTES | GERAL | POLÍTICA | SEGURANÇA

13/09/2018, 06:00

Gasolina está mais cara nos postos


 
redacao@diariodosul.com.br
Dê a sua opinião
Comentários ou sugestões
Envie esta
notícia por e-mail
 


Em aproximadamente dez dias, o preço da gasolina nos postos de combustíveis em Tubarão aumentou cerca de R$ 0,10. E seguindo a tendência de aumentos informados pela Petrobras, que ontem anunciou mais um para as refinarias, de 1,02%, até o final do ano o preço do litro do combustível pode estar perto de R$ 4,70.

No final de agosto, o valor do litro da gasolina estava em torno de R$ 4,19 e aumentou para uma média entre R$ 4,24 e R$ 4,27, onde permaneceu até o dia 10, quando teve um novo aumento, ficando em torno de R$ 4,35 e R$ 4,37, podendo variar conforme a forma de pagamento em alguns postos. De acordo com o gerente do Posto Premier, Valdo Mendes, até ontem o preço promocional (para pagamento em dinheiro ou cartão de débito) nas bombas era de R$ 4,35, mas caso a opção pelo pagamento seja no cartão de crédito, por exemplo, o valor sobe para R$ 4,45.

O aumento anunciado para hoje pela Petrobras não deve ser repassado às bombas imediatamente, segundo o vice-presidente do Sindicato do Comércio Varejista  de Combustíveis Minerais de Florianópolis (Sindópolis), Joel Fernandes, que acredita que os postos prefiram aguardar um pouco mais para poder acrescer um percentual maior, agrupado. “Este aumento de agora na refinaria representaria algo em torno de dois centavos, no máximo. Não vale a pena alterar já”, pondera.

Joel também destaca a inviabilidade de se manter postos de combustíveis funcionando com pouca margem de lucro, como segundo ele vem ocorrendo. “É inviável manter um posto com o litro da gasolina a preços inferiores a R$ 4,60 ou R$ 4,70. Se for mantido preços como os praticados atualmente, muitos precisarão fechar as portas”, avalia. De acordo com ele, a previsão é de que em dois meses o valor do litro possa chegar a R$ 4,70. 

Depois de uma semana sem reajustes no preço da gasolina, a Petrobras anunciou ontem aumento de 1,02% no preço do combustível comercializado em suas refinarias. A partir de hoje, o litro da gasolina passará a custar R$ 2,2294, dois centavos a mais do que os R$ 2,2069 cobrados desde 5 de setembro. No mês, o litro do combustível já subiu nove centavos.



Veja tudo sobre: gasolina, economia
 


OUTRAS NOTÍCIAS



ESPORTES

Evento vai reunir mais de 140 skatistas

13/09/2018, 06:00

ESPORTES

Peixe recebe dirigente do River Plate

13/09/2018, 06:00

ESPORTES

Novidade em breve no Hercílio Luz

13/09/2018, 06:00

SEGURANÇA

Mulher é presa com drogas

13/09/2018, 06:00







MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL