MENU

NOTÍCIAS


TODAS | EDIÇÃO DE HOJE | DA REDAÇÃO | DIVERSÃO | ESPORTES | GERAL | POLÍTICA | SEGURANÇA

11/08/2017, 06:00

Escola Sem Partido: debate será realizado hoje


 
redacao@diariodosul.com.br
Dê a sua opinião
Comentários ou sugestões
Envie esta
notícia por e-mail
 

Oprojeto de lei 23/2017, que institui o Escola Sem Partido em Tubarão, será debatido em audiência pública que ocorre hoje, às 19h, no teatro da Arena Multiuso.

O debate terá expositores favoráveis ao projeto e contra a proposta. Na lista dos expositores favoráveis ao projeto estão o deputado federal Eduardo Bolsonaro, o advogado Miguel Nagib, a psicóloga Marisa Lobo e a professora Ana Caroline Campagnolo.

Falam contra a implantação os professores doutores Fernando de Araújo Penna (UFF) e Rosângela Pedralli (UFSC) e os professores mestres Vinicius Valença Ribeiro (IFC), Samuel Martins dos Santos (Cesusc) e Marciel Evangelista Catâneo (Unisul). 

O projeto de lei foi proposto pelo vereador Lucas Esmeraldino. Segundo ele, o debate tem a função de explicar o que é o projeto Escola Sem Partido, pois acredita que há muita distorção sobre o tema.

“É um projeto muito simples, que lista seis deveres do professor que já estão na constituição, apenas para enfatizar, deixar claro. É um projeto bom para todos, pois dá mais segurança ao aluno e ao professor e aos princípios familiares”, opina Lucas.


Espaço para tirar dúvidas

A presidente do Sintemut, Laura Oppa, salienta que este espaço de discussão sobre o projeto é visto como fundamental pelas entidades contrárias ao Escola Sem Partido, pois muitos desconhecem a proposta.

“Nós estivemos nas escolas, esclarecendo sobre o que é e porque somos contrários. Grande parte dos professores tinha muitas dúvidas. Pontuamos que a participação de todos é fundamental, pois esperamos que este seja um espaço de esclarecimento e colocação de ideias”, destaca.

 Ela opina que o professor em sala de aula tem a função de instigar o livre pensamento dos estudantes e salienta que não há nenhum tipo de doutrinação neste espaço. Laura pontua que o projeto não fala apenas na questão partidária, pois uma escola sem partido, neste sentido, seria bem-vinda, mas reprime o debate sobre questões de gênero, liberdade religiosa e outros.



Veja tudo sobre: escola sem partido, debate
 


OUTRAS NOTÍCIAS



GERAL

Ceasa assina ordem de serviço para obra

11/08/2017, 06:00

GERAL

Imóvel do Clube Cruzeiro será restaurado

11/08/2017, 06:00

GERAL

Thaeme e Thiago gravam clipe com dupla da região

11/08/2017, 06:00

GERAL

Unisul recebe prêmio como Empresa Cidadã

11/08/2017, 06:00







MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL