MENU

NOTÍCIAS


TODAS | EDIÇÃO DE HOJE | DA REDAÇÃO | DIVERSÃO | ESPORTES | GERAL | POLÍTICA | SEGURANÇA

21/04/2017, 06:00

Iluminação passa por manutenção


 
redacao@diariodosul.com.br
Dê a sua opinião
Comentários ou sugestões
Envie esta
notícia por e-mail
 


O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) trabalha para finalizar as melhorias no sistema elétrico da ponte Anita Garibaldi, em Laguna.

Roedores danificaram parte do cabeamento que controla a iluminação da travessia, no segmento estaiado, prejudicando a segurança dos usuários da rodovia federal. A fiação sobre os cabos de sinal (que fazem a comunicação entre os sensores que indicam quando as luzes devem ligar) ficou desencapada, o que acabou interrompendo a comunicação entre os equipamentos do sistema de iluminação cênica (refletores), deixando uma das torres da ponte sem iluminação.

A autarquia também faz a recuperação da subestação de força que alimenta a parte norte da estrutura, danificada em ato de vandalismo: as portas de segurança, feitas de metal, foram retiradas.

A depredação deu-se sob o vão número 10 da ponte, em Cabeçudas (margem norte), e deixou o quadro de força exposto à presença de animais domésticos ou pessoas não autorizadas. A exposição oferecia risco de eletrocussão, isto é, morte provocada pela exposição do corpo a uma carga letal de energia elétrica. O Dnit já recolocou novas portas no local, isolando a subestação.

O Dnit e a empresa Sadenco Engenharia, que realizou a instalação do sistema elétrico da ponte Anita Garibaldi, estão programando a data para a manutenção corretiva no painel danificado pelos roedores.

A autarquia pede aos usuários da BR-101 Sul e demais rodovias federais catarinense que, em caso de danos em sistemas elétricos, subestações ou quadros de força de iluminação de pistas e obras de arte especiais, não se aproximem destes locais.

CONTA SEM DONO

Enquanto isso, a dívida de Laguna com a Celesc relacionada ao pagamento – na verdade nunca realizado – da conta de luz da ponte Anita Garibaldi já ultrapassa R$ 270 mil, desde agosto de 2015. Prefeitura e Dnit ainda não entraram em acordo sobre quem deve pagar e a situação aguarda decisão judicial.



Veja tudo sobre: dnit, ponte de laguna
 


OUTRAS NOTÍCIAS



ESPORTES

Atacante do Leão é liberado para o Tigre

21/04/2017, 06:00

GERAL

Unisul e Amurel promovem debate

21/04/2017, 06:00

SEGURANÇA

Proprietários baleados em lanchonete

21/04/2017, 06:00

GERAL

Proteção em escada evitou desastre

21/04/2017, 06:00







MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL