10/06/2019, 06:00

Exportação de casas é possível após consórcio


A noite de hoje marcará um grande avanço para o setor industrial de Tubarão e região. Às 19h, no auditório da Associação Comercial e Industrial de Tubarão (Acit), será realizada a solenidade de assinatura da Ata de Constituição do Consórcio CS Amurel. Cinco madeireiras da região tiveram a iniciativa de formar o consórcio, e a ação teve total apoio da vice-presidência da regional Litoral Sul da Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc), que é presidida pelo empresário Alexsandro da Cruz Barbosa.

O objetivo principal da associação é qualificar e preparar indústrias do setor moveleiro para exportação de casas pré-fabricadas, e, com isso, melhorar a expansão do mercado e o faturamento das empresas, como uma importante forma de incremento de arrecadação. Esta medida vai potencializar ainda mais a geração de emprego e renda na região.

“A nossa região é muito bem servida neste segmento, e, através do Sindimad, em parceria com a Fiesc, temos ajustado o programa desde o ano passado. Com isso, seguimos na direção da principal bandeira da atual direção da Fiesc, que é o tema ‘Internacionalização’”, destaca Alexsandro.

Prefeitos e autoridades da região já confirmaram a presença na solenidade de hoje, entre eles o prefeito de Braço do Norte e presidente da Amurel, Roberto Kuerten Marcelino, o prefeito anfitrião, Joares Ponticelli, o secretário de Desenvolvimento Econômico Sustentável e Turismo de Santa Catarina, Lucas Esmeraldino, o presidente da Fiesc, Mário Cesar de Aguiar, o deputado estadual Volnei Weber e representantes do Sebrae.

O governo do Estado, por meio da secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável, pretende estimular dez setores econômicos a exportarem, e o ramo moveleiro e madeireiro é um deles. “Por isso, este evento é aberto a todos os setores, para mostrar como micro e pequenas empresas podem se unir e exportar, alavancando os negócios em suas respectivas áreas”, finaliza Alexsandro.



Veja tudo sobre: economia, consórcio, amurel, exportação