Variedades

MICHELINE ZIM




Quinta-feira, 06/06/2019, às 06:00

Desafios da cidade

Ao apresentar os projetos para novas obras na cidade nesta semana, o vice-prefeito Caio Tokarski e o prefeito Joares Ponticelli apresentaram alguns dados interessantes sobre Tubarão que nos fazem entender um pouco, ou, melhor dizendo, reforçar o que já sabíamos, sobre os porquês dos problemas na nossa mobilidade urbana. Uma cidade de mais de 100 mil habitantes, com um rio lindo, mas que corta a cidade de ponta a ponta, uma BR passando pelo meio de Tubarão, apenas cinco pontes que possibilitam a travessia de uma margem a outra, e o dado mais relevante: mais de 91 mil veículos, segundo o Detran. Ou seja, nem com toda a melhor boa vontade do mundo é possível dar jeito na mobilidade se não houver obras e investimentos, que é o que o município está tentando agora com financiamentos pela Caixa e pelo Fonplata. Que sejam aprovados, que a burocracia não emperre, e que a cidade cresça com organização.

Agradecimento
A Associação Mãos que Salvam Vidas (Amavi) irá promover a segunda edição de ‘Um Jantar em Prol da Vida’, em benefício do Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC), de Tubarão, com o objetivo de agradecer à comunidade pelo apoio ao hospital e arrecadar recursos para melhorias no setor oncológico da instituição. Durante o jantar, serão homenageados alguns amigos do hospital, que há anos dedicam parte do seu tempo para apoiar as iniciativas da instituição. São eles: Afonso Eliseu Furghestti, Edson Bez de Oliveira, Mauri Luiz Heerdt, Liliana Cavalcanti Soares, Dione Teresinha Martins, Reginaldo Boppré, irmã Jacira Maria dos Santos, Humberto Ghizzo Bortoluzzi (in memoriam). A noite ainda contará com apresentação do coral “Em Cantos”, da GAM, empresa distribuidora de medicamentos parceira do HNSC.

Certificação
A  Pró-Vida, que já fazia parte de um seleto grupo de unidades de saúde do Sul do Brasil acreditadas pela Organização Nacional de Acreditação – ONA, em 2017, acaba de dar mais um grande passo. O grupo agora é Acreditado Pleno – ONA 2 – certificação concedida a organizações prestadoras de serviços para a saúde, serviços odontológicos, serviços de saúde e programas de saúde e prevenção de riscos, que, além de obedecer rigorosos critérios de segurança, apresentam gestão integrada, com a realização de processos coordenados e uma eficiente comunicação entre os setores, colaboradores e clientes. Para conquistar o nível 2, todos os colaboradores da clínica se dedicaram muito, realizaram várias ações, mas, acima de tudo, estiveram muito engajados para que todos os requisitos fossem compreendidos e cumpridos. Qualidade mais que merecidamente reconhecida.

Ministro em Tubarão
A primeira visita de Sérgio Moro a Santa Catarina já tem data marcada. A convite do deputado federal Daniel Freitas (PSL), o ministro da Justiça percorrerá três cidades no dia 12 de julho, entre elas Tubarão, onde concederá uma coletiva de imprensa, e, em seguida, fará uma palestra gratuita no Espaço Integrado de Artes da Unisul. Será a primeira visita de um membro do primeiro escalão do governo de Jair Bolsonaro na Cidade Azul.

Rainha precavida
Do site Glamurama: “Depois do climão entre o príncipe Harry e Donald Trump, que recentemente falou mal de Meghan Markle em suas redes sociais, parece que Elizabeth II também não está tão confortável com a visita do presidente americano a Londres. Coincidência ou não, a anfitriã usou uma tiara diamantes com grandes rubis no jantar de gala oferecido a Trump. Porém, existe um simbolismo por trás do acessório. O rubi tem a função de proteger do mal e da doença, segundo a tradição de Myanmar, país de onde as pedras vieram. De acordo com alguns seguidores das redes sociais da Família Real Britânica, a rainha Elizabeth, de 93 anos, teria escolhido a tiara para se proteger da energia ruim do polêmico presidente dos EUA”. Até a rainha é adepta à velha máxima “melhor prevenir...”.

Oratória
Hoje e sábado continua o curso “Perca o medo de falar em público”, com o professor, jornalista e escritor José Henrique de Souza, no auditório do DCE da Unisul. Será abordado o assunto da teoria à prática. O curso é aberto ao público. Mais detalhes podem ser obtidos pelos telefones (48) 99692-7215 (WhatsApp) e (48) 3621-3119.

Para o dia de hoje...
“Queira o bem. Faça o bem. O resto vem”.