Esporte

EDUARDO VENTURA




Quarta-feira, 15/05/2019, às 06:00

CME de Armazém não compareceu

Na noite da última segunda-feira era para ter sido realizada em Tubarão a última partida da fase classificatória da Liga Adesc, envolvendo as equipes de Tubarão e da CME de Armazém. Eu disse antes: era. Simplesmente, os visitantes, descontentes por terem que jogar na segunda e não no mesmo dia e horário de Orleans e Braço do Norte, que se enfrentam amanhã, em Orleans, não apareceram para a partida. Resultado: vitória por WxO, e a classificação em primeiro do grupo para Tubarão, que jogará as semifinais sem precisar passar pela fase eliminatória. Avançaram ainda a CME Braço do Norte e a CME Gravatal/Boccone Alimentos.

TUBARÃO CLASSIFICADO àS SEMIFINAIS
Penso que essa situação deveria ter sido vista antes, e não no dia ou na véspera da partida. Vamos aguardar a atitude da Liga Adesc com relação ao caso. A CME de Armazém, com dois pontos, precisava vencer Tubarão, para depois torcer por empate ou vitória de Orleans, diante de Braço do Norte, para ficar com a vaga. Tirando esse entrevero da ausência da CME de Armazém, Tubarão está de parabéns pela conquista da vaga, que o levou direto às semifinais, estando muito próximo do seu maior objetivo na competição, que é disputar a final da competição, como forma de resgatar o futsal amador na cidade, o qual está há muitos anos adormecido.

FALTA DE RESPEITO
A consideração da CME de Armazém também atingiu o Esporte de Primeira, que mobilizou sua equipe para a transmissão da partida, no entanto os visitantes não apareceram para o jogo. Espero que o prefeito da cidade, José Benjamim Arent, tenha uma boa conversa com o Adelso Souza, para que fatos como esse não voltem a ocorrer, maculando a imagem do município tão querido que é Armazém.

ESTADUAL DE BASQUETE
E, jogando no ginásio da Fucap, em Capivari de Baixo, a equipe tubaronense de basquetebol, Univinte/CAT/FME Tubarão, venceu os dois jogos que disputou pelo Campeonato Catarinense de Basquete. O adversário foi o OMDA/Tubarões/Palhoça. A primeira vitória foi do Sub-12, por 47 x 28; já no Sub-13, uma vitória mais tranquila, com o placar de 50 x 13. As duas vitórias encheram de orgulho atletas, comissão técnica, pais e familiares que foram prestigiar os dois jogos, em Capivari de Baixo. Os trabalhos são realizados pela treinadora Angelita Brüning, e pelo seu auxiliar Artur Michels, sob a supervisão do professor Luiz Ernani Buerger. O mandatário da Fundação Municipal de Esportes vibrou muito com o resultado obtido na rodada do último sábado: “A sementinha plantada no ano passado está começando a crescer”, comentou Ernani.

O NOVO SALGADÃO 
  A ótima notícia veiculada aqui no DS sobre a reabertura do Ginásio Salgadão deixou eufóricos aqueles atletas que batiam uma bolinha nos horários alugados junto à FME. O resgate do ginásio e sua manutenção vão depender da comunidade e de quem for frequentá-lo. É importante que a comunidade fiscalize, pois, se furtarem ou quebrarem algo de lá, é prejuízo nos cofres públicos. A reabertura, confirmada para o dia 21, vai ser marcada pelo amistoso de handebol entre Tubarão e Imbituba. A reforma teve um custo total de R$ 185.581,40.