Esporte

CARLOS AUGUSTO SALVADOR




Terça-feira, 08/01/2019, às 06:00

Um novo começo!

Começa 2019, e este será um ano muito esportivo e que marcará mudanças, inícios e fins de ciclos! Veremos um Campeonato Brasileiro dividido por dois grupos de mídia em TV fechada pela primeira vez em muitos anos. Os estaduais, provavelmente, terão seu último ano no formato que conhecemos. Teremos, no Brasil, a Copa América, que estará aqui pela primeira vez em 30 anos. As cidades de Lima, no Peru, e Santiago, no Chile, terão a responsabilidade de sediar as finais únicas da Sul-Americana e Libertadores pela primeira vez. 2019 já começou com novidades positivas e negativas. Teremos o fim do imbróglio para a fusão de Fox e Espn? A Dazn terá os direitos exclusivos dos campeonatos italiano, francês e da Sul-Americana para streaming no Brasil, e o futebol das quartas-feiras terá bola rolando às 21h30 na sua televisão. Poderemos ter um campeão brasileiro sem ter seu último jogo mostrado na TV. Enfim, 2019 promete, e nós estaremos aqui acompanhando tudo de perto e trazendo tudo de diferente que for possível para você conhecer cada vez mais os bastidores da imprensa esportiva brasileira.

Expectativa
Para Hercílio Luz e Tubarão, 2019 representa o ano da consolidação. O Leão fará um campeonato estadual dentro das suas pretensões de se manter na elite, e voltará a uma competição nacional após muitos anos, para, quem sabe, chegar ao mata-mata. Já no Peixe, 2019 representa afirmação e colheita dos frutos plantados. A expectativa é estar entre os semifinalistas, brigando por uma vaga na final para superar a campanha de 2018. Além disso, haverá a Copa do Brasil, e principalmente a Série D, na qual o objetivo é alto, de conquistar o acesso à terceira divisão nacional.


Dinheiro na mão é vendaval
Foram divulgadas as cotas de TV de cada clube do Campeonato Catarinense 2019. A divisão dos R$ 5 milhões investidos pela NSC foi feita em dois grupos. A cota para o Grupo 1 dará R$ 650 mil para Avaí, Chapecoense, Criciúma, Figueirense e Joinville. O Grupo 2 receberá uma cota de R$ 300 mil, e contemplará Brusque, Hercílio Luz, Marcílio Dias, Metropolitano e Tubarão. Um dado interessante: o Catarinense é o 5º estadual com maior cota de TV do país, porém a diferença para Minas Gerais, que é o 4º, são de incríveis R$ 30 milhões! Paulista, carioca e gaúcho formam o top 3 de cotas de TV.


Transmissões do Estadual
Haverá duas formas de assistir ao Campeonato Catarinense em 2019. Um jogo por rodada em TV aberta, na NSC, e quatro jogos por rodada via FC Play. As transmissões pela NSC começarão apenas na 2ª rodada, a pedido da Globo, que vetou a transmissão das rodadas de quarta-feira para todas as suas afiliadas no mês de janeiro. Com isso, as rodadas 1, 3 e 5 não terão transmissão na TV. Nas rodadas 2, 4, 6, 7 e 8, destaque para o Avaí, que estará em quatro delas, inclusive contra o Tubarão, na 7ª rodada, aqui na Cidade Azul.