MENU

COLUNISTAS


Geral

LÚCIO FLÁVIO




 
 

Sábado, 05/01/2019, às 06:00

O verão como termômetro

A temporada de verão chegou e por ela é possível ter um termômetro da nossa economia. E pelo que se vê nas praias, inclusive as nossas aqui da região, os empresários da orla não têm do que se queixar, neste ano. Hotéis, bares e restaurantes estão lotados, num prenúncio de que o ano será mesmo o da recuperação econômica. Não é para menos. Um dos componentes dessa crise histórica, que acabou com milhares de empresas e milhões de empregos, era a confiança -- ou a falta dela, melhor dizendo.

Além da crise econômica e da crise política, tínhamos, para piorar, uma crise de confiança, e empresários desconfiados, obviamente, não investem. Consumidores deixam de comprar, se não tiverem confiança de que irão conseguir pagar suas dívidas. No entanto, confiança no futuro é o que não nos falta agora. Várias pesquisas divulgadas nos últimos dias mostram que, em média, sete em cada dez brasileiros estão confiantes no novo governo, nas medidas tomadas até agora, confiam que irão pagar suas dívidas, e que o ano, enfim, será melhor.

Tudo conspira para que tenhamos realmente um feliz 2019, como desejamos uns aos outros no réveillon. Precisamos torcer para que nossos novos governantes não se percam em suas administrações, e cumpram o que prometeram e o que deles todos esperamos. Que não se deixem seduzir pelo canto das sereias que se entranham nos bastidores do poder. E que não apenas nesse ano, mas que possamos viver num ciclo de prosperidade e crescimento pelas próximas décadas, para ao menos recuperar o tempo perdido nesses últimos anos.

 

Greve, não
Tudo conspira para que o ano seja realmente bom. Novo governo, novas ideias. E ainda podemos contar com a sorte de esse ano não termos Copa nem eleições, nem tantos feriadões, como tivemos no ano passado. Só resta torcer para não termos uma greve dos caminhoneiros no meio do caminho.

Esgoto em Laguna
A recuperação econômica virá, certamente, e nossas prefeituras precisam estar preparadas para o maior fluxo de pessoas. O problema do esgoto, em Laguna, é algo que expõe a falta de preparo para a temporada, seja por falta de recursos ou por incompetência mesmo. Tudo o que o eleitor deixou claro nas urnas que não tolera mais. Para as próximas temporadas, é preciso um melhor planejamento.

Food trucks
Ficou a imagem negativa do esgoto, e a imprensa estadual acabou não dando o devido destaque para a festa de fogos em Laguna, no réveillon, que foi muito bonita, talvez a melhor dos últimos anos. Mas é preciso rever para os próximos verões os food trucks instalados na avenida beira-mar. Alguns são bem-arrumadinhos, outros não deviam estar lá, dão nojo só de olhar. Não combinam com a bela praia do Mar Grosso, e só reforçam a imagem de que vivemos no terceiro mundo. Imagino que não seja essa a imagem que Laguna queira vender aos seus turistas.




OUTRAS COLUNAS









MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL