MENU

COLUNISTAS


Política

MILTON ALVES




 
 

Sexta-feira, 11/01/2019, às 06:00

Nota de apoio

Uma nota de apoio ao presidente estadual da sigla, Lucas Esmeraldino, publicada na redes sociais na tarde de ontem, assinada pelos seis deputados eleitos pelo PSL catarinense, Ricardo Alba, Felipe Estevão, Jessé Lopes, Ana Carolina Campagnolo, coronel Mocellin e sargento Lima, dá um novo rumo ao embate interno que se estabeleceu no partido em nosso Estado. Nela, os deputados destacam o extraordinário trabalho desenvolvido por Lucas na montagem e condução do PSL na vitoriosa campanha de 2018, bem como ratificam o desejo de que ele continue à frente da sigla para dar continuidade ao trabalho. E agora, José?

Entende esse povo 
Num dos vários grupos de WhatsApp do qual participo, me deparei com a declaração de um integrante, que pessoalmente não conheço, dando conta de que entendia ser Joares Ponticelli o “pior prefeito da história de Tubarão”. Alguém, então, questionou: “Por que tu achas isso?”. E ele lascou: “Porque transformou a cidade num verdadeiro caos com essas obras”. Se alguém está pensando – como eu inicialmente pensei – que se trata de uma ironia do cidadão, não, não se trata. Na sequência da conversa, deu para ver que realmente ele falava sério. 

Aproveitem, candidatos 
É óbvio que, por trás dessa manifestação de antipatia pela pessoa do prefeito, deve existir outra razão muito mais contundente não revelada. Quem sabe, diferença político/partidária, promessa de campanha não cumprida ou mesmo entrevero pessoal. Sei lá. Destaca-se, no entanto, que a razão da revolta é mesmo o incômodo provocado pelas obras. Diante disso, encontrei um ótimo mote de campanha para futuros candidatos a prefeito da cidade. Seria engraçado ouvir na propaganda eleitoral alguém dizendo: “Vote em mim que eu prometo não fazer buracos e nem trancar ruas com obras em Tubarão. Quatro anos de tranquilidade”. Que beleza! 

Sem vagas
Por falar em tranquilidade, quem mais sentiu com as obras da Tubarão Saneamento nos últimos dias foram os motociclistas. É que, por uma triste coincidência, as três frentes de obras desencadeadas na implantação de saneamento no Centro nevrálgico de nosso comércio bloquearam, em sua totalidade ou parcialmente, quatro grandes bolsões de estacionamento dos veículos de duas rodas que existem na área: defronte o chafariz, na Lauro Müller; defronte a Benoit e o calçadão da São Manoel, na Marcolino Martins Cabral; e na rua Padre Bernardo Freuser.

Solução na semana
Ontem, tive oportunidade de conversar com o gerente de Trânsito, Dionísio de Quadros, e ele confessou que o problema foi detectado, sim, mas como as empreiteiras que executam as obras garantiram que até meados da próxima semana esses pontos serão liberados, principalmente o da Lauro Müller e defronte a Benoit, entendeu-se que não se fazia preciso demarcar outras áreas para facilitar a vida dos motociclistas, o que chegou a ser pensado caso as obras se prolongassem nesses trechos por mais tempo. Pede paciência aos usuários.

Pelo Twitter
Ontem, em seu twitter, me parece que de Porto Alegre, onde tem ido constantemente para tratamento de saúde, o jornalista Salmon Flores mandou um recadinho para os tubaronenses que costumam reclamar dos R$ 4, em média, que os estacionamentos particulares cobram por hora estacionada aqui em Tubarão. Segundo Salmon, na capital dos gaúchos existe estacionamento que, dependendo da demanda, divide a hora em quatro frações, custando R$ 7 a cada 15 minutos. Uma hora cheia, R$ 25. Quem quer, paga. Quem não quer, que estacione o carro na periferia e vá para o centro a pé. É a famosa lei da “oferta e da procura”.

De olho nessa gente
Também em seu twitter o humorista Danilo Gentili nos alertou ontem sobre algo interessante. Tem gente que ficou 16 anos quietinha, sem esboçar qualquer
reação ou revolta por tudo de pesado que rolou nos governos anteriores, e agora, com apenas dez dias de governo novo, sai “chilicando” por qualquer coisinha. Está certo ele quando diz que devemos fugir de formar opinião por essas pessoas. 




OUTRAS COLUNAS









MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL