MENU

COLUNISTAS


Esporte

EDUARDO VENTURA




 
 

Quarta-feira, 30/01/2019, às 06:00

Treino de luxo

A partida de hoje à noite servirá para a Chapecoense manter o entrosamento. Claro que o clube do Oeste pensa na vitória, fato que poderá aumentar ainda mais a crise do Tubarão no campeonato. O clube oestino, na próxima terça-feira, dia 5, enfrentará em Valparaíso, no Chile, o Union La Calera, pela primeira fase da competição. Já tem na conta 300 mil dólares, pouco mais de R$ 1 milhão e 100 mil. Claudinei Oliveira escalou o time titular, e fará suas análises antes de viajar ao Chile. E o meu caríssimo leitor pergunta: “Como o Tubarão poderá tirar proveito disso?”. Simples: jogar de forma concentrada, coesa, buscando a vitória. Pode ser 1 x 0, mesmo com gols nos acréscimos, que já valem. Silas e o seu grupo de jogadores, mesmo não querendo revelar, estão sob pressão. Acredito que, com uma vitória, o Peixe conseguirá cursar seu rumo na competição. Já a Chapecoense se divide entre Catarinense e Sul-Americana, e vem a Tubarão, digamos, para um treino de luxo.

TRIO SULINO NA SÉRIE A
O Árbitro lagunense Marcos Vinícius de Oliveira Matias foi escalado pelo departamento de arbitragem da FCF para ser o árbitro do jogo entre Figueirense e Metropolitano. A partida será realizada hoje, às 19h, no Estádio Orlando Scarpelli. Em 2018, Marcos já trabalhou na Série A, na partida entre Brusque e Concórdia, no Augusto Bauer. Ainda na temporada passada, apitou jogos da Copa SC e foi o árbitro da final do Sul-Brasileiro de Futebol Amador. Os seus auxiliares serão o tubaronense José Roberto Larroyd e o lagunense Carlos Felipe Schmidt. Sucesso ao Marquinhos, que na próxima semana será papai do Luís Felipe.

APRESENTAÇÃO DEFINIDA
O Tubarão Futsal se reapresenta na próxima segunda-feira, dia 4, e na quinta-feira, dia 7, às 19h30, na Acit, onde será feita a apresentação oficial do clube. Ainda na próxima semana, o clube participará do congresso técnico final da LNF. É bem provável que a competição inicie na terceira semana de março. Para a temporada 2019, o clube irá manter dez atletas que atuaram na temporada passada, contratou seis e efetivou, subindo da base mais dois atletas. Ao todo, serão dezoito jogadores à disposição do técnico Thiago Raupp, que segue para sua terceira temporada no comando técnico da equipe. Fabiano Silva segue como preparador físico, e Mateus Ludtke foi contratado para ser o preparador de goleiros. Na retaguarda, Fabrício Neto segue como mordomo do clube, e Osvaldo Pulita, na supervisão da equipe.

PRESIDENTE CONFIANTE 
Ele aceitou o desafio de buscar a credibilidade do clube e da imagem perante a torcida. Eduardo Rigotti segue como presidente da equipe. “Vou para o meu sexto ano à frente da equipe, mas não posso deixar de agradecer à Unisul, à prefeitura de Tubarão, às empresas parceiras, e ao Atlético Tubarão. Aos poucos, o nosso torcedor foi acreditando que seria possível ter uma equipe competitiva em Tubarão. Os títulos da Copa Capão da Canoas, Jogos Abertos e o Catarinense fecharam o meu melhor ano à frente da equipe”, comemorou Rigotti. O presidente ainda citou o apoio do desportista, hoje ocupando o cargo de vice-prefeito, Caio Tokarski: “O Caio nunca escondeu que gosta e apoia o futsal. Sem ele, muitas coisas não teriam acontecido”. Rigotti acredita que, na Liga Futsal, o time poderia ter ido mais longe no ano passado, mas, com o elenco qualificado, espera que a equipe chegue, no mínimo, entre os oito primeiros: “Quem sabe a gente não possa surpreender, igual ao Pato Futsal, e lutar pelo título da liga também”.




OUTRAS COLUNAS









MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL