MENU

COLUNISTAS


Geral

ARILTON BARREIROS




 
 

Terça-feira, 22/01/2019, às 06:00

Situação complicada

Reunião entre o Sindicont de Tubarão e Região e o Sindicato de Hotéis, Bares e Restaurantes teve o objetivo de reformular a situação sindical, que está em déficit. Desde que caiu a obrigatoriedade da contribuição sindical, muitas empresas deixaram de realizar o pagamento. De acordo com o presidente do Sindicont, Patrick Fontana Nandi, o encontro buscou ressaltar a importância do serviço prestado pelo sindicato, assim como alternativas para elevar a condição atual. A região é formada por 700 empresas, mas apenas 22 contribuem, afirma o presidente do Sindicato de Hotéis, Bares e Restaurantes, Amarildo Roberto Volpato. Dentre as propostas abordadas durante o encontro estão o levantamento de valores e reuniões nas cidades próximas. Segundo Patrick, caso o sindicato patronal seja fechado, todas as empresas do seguimento na região terão que se adequar à realidade de Florianópolis, encarecendo, assim, os custos dos negócios.


Entrelinhas

Um homem deve indenizar a ex-mulher em R$ 50 mil por traição. A decisão é da juíza Clarissa Somesom Tauk, da 5ª Vara da Família e Sucessões de São Paulo, ao considerar que a infidelidade se deu com pessoa que era considerada da família e que trabalhava na empresa pertencente à autora. Se a moda pega.

Prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli, considerou muito positiva a conversa ontem à tarde com o governador Carlos Moisés. Acompanhado de alguns assessores da Fecam, Joares colocou ao governador a preocupação dos municípios em relação aos convênios assinados, e teve a garantia de que todos serão examinados com carinho. Joares já pediu outra audiência para tratar apenas das questões de Tubarão.

Deputado estadual Felipe Estevão (PSL) vai conversar com o governador Carlos Moisés sobre os rumores que dizem que a Celesc, em Tubarão, não terá mais um gerente regional, assim como a regional de Saúde. Como líder da bancada, Felipe vai solicitar ao governador que os dois órgãos sejam mantidos na Cidade Azul.

Além de ser reeleito até 2023 com mais de 81% dos votos na presidência da Coorsel (Cooperativa Regional Sul de Eletrificação Rural) no último final de semana, Ivanir Vitorassi vê sua trajetória chegar ao topo com a indicação para, a partir de 1º de março, assumir a presidência da Fecoerusc (Federação das Cooperativas de Energia do Estado de SC).

A gerente de Educação em Tubarão que substituirá Jaime Ondino Teixeira deverá ser a professora aposentada do Estado e coordenadora do curso de Ciências Biológicas da Unisul, Maricelma Jung. A indicação já está em cima da mesa para ser assinada. Também na mesma mesa está o nome da professora Fabíola Cechinel.

Provavelmente, o estresse tenha sido responsável por uma úlcera detectada por exames no vice-prefeito Caio Tokarski, no final de semana, após sentir algumas dores abdominais. Caio foi recomendado a se afastar das atividades profissionais por pelo menos uma semana. Na segunda-feira que vem, ele deverá substituir o prefeito Ponticelli, que vai pegar uma semana de férias para viajar com a mãe.




OUTRAS COLUNAS









MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL