MENU

COLUNISTAS


Variedades

RAMIRES LINHARES




 
 

Terça-feira, 04/09/2018, às 06:00

O coração mais bonito

Bom dia, boa tarde, boa noite, conforme a ocasião.
Um jovem estava no Centro de uma cidade dizendo ter o coração mais bonito da região. Uma multidão o cercou e todos admiraram seu coração, que não tinha marca ou qualquer outro defeito.
Até que, de repente, um velho apareceu diante da multidão e disse:
- Seu coração parece perfeito, mas eu não trocaria o meu pelo seu.
A multidão e o jovem olharam para o coração do velho, que batia com vigor, mas estava cheio de cicatrizes. Havia locais em que pedaços tinham sido removidos e outros tinham sido colocados no lugar, mas estes não encaixavam direito, causando muitas irregularidades. Em alguns pontos do coração, faltavam pedaços.
O jovem olhou para o coração do velho e disse:
- O senhor deve estar brincando... Compare nossos corações. O meu está perfeito, intacto. O seu é uma mistura de cicatrizes e buracos!
A multidão riu da situação, e o velho respondeu:
- Cada cicatriz representa uma pessoa a quem dei o meu amor. Tirei um pedaço do meu próprio coração e dei a cada uma dessas pessoas. Muitas delas deram-me também um pedaço do próprio coração, pedaços que não eram exatamente iguais aos que dei. Algumas vezes, dei pedaços do meu coração a quem não me retribuiu. Por isso há buracos, e eles doem, ficam abertos. Tenho a esperança de que um dia elas retribuam, preenchendo esses espaços.
A multidão silenciou.
O jovem ficou calado e lágrimas escorreram pelo seu rosto. Ele aproximou-se do velho, tirou um pedaço de seu perfeito e jovem coração, e ofereceu a ele, que retribuiu o gesto.
O jovem olhou para seu coração, que não estava mais perfeito como antes, mas mais belo do que nunca. Os dois se abraçaram e saíram caminhando lado a lado, e o jovem ficou pensando:  “Como deve ser triste passar a vida com o coração intacto...”.

Mentiras
Definitivamente, é muito difícil entender-lhes, queridas representantes do sexo feminino. Vocês, mulheres, conseguem detectar uma mentira contada por um homem nos primeiros dez segundos da conversa, mas continuam acreditando em produtos que prometem fazer perder dez quilos em uma semana...

Sobre você...
“Você é aquilo que ninguém vê. Uma coleção de histórias, estórias, memórias, dores, delícias, pecados, bondades, tragédias, sucessos, sentimentos e pensamentos. Se definir é se limitar. Você é um eterno parênteses em aberto, enquanto sua eternidade durar”. Raíssa Almoêdo de Assis

Pátria
Entramos na “Semana da Pátria”, e escolas e entidades do município já se preparam para o tradicional desfile cívico, que acontecerá no dia 7 de setembro, na avenida Marcolino Martins Cabral. A programação alusiva aos 196 anos da independência do Brasil ocorre a partir das 8h. O palanque das autoridades será montado no pátio da Casa da Cidade, e o desfile inicia nas imediações da rótula da antiga rodoviária, com dispersão a partir da Praça 7 de Setembro. A previsão é de que cerca de 70 entidades participem do desfile cívico neste ano.

Leite
O empregado vinha triste da ordenha, com o balde vazio nas mãos, quando o patrão perguntou:
- O que foi? A vaca não deu nada hoje?
- Deu, sim, patrão. Deu leite e outra coisa.
- Mas por que estás com o balde vazio?
- É que a outra coisa que ela deu depois do leite foi um coice no balde...

Denúncia
Todos os dias, a cada minuto, milhares de brasileiros e brasileiras padecem de uma terrível moléstia: a comichão. Por receio ou preconceito, muitos não procuram orientação médica para acabar com o sofrimento causado pela comichão. A comichão pode ser controlada, é só fazer o tratamento correto. Se você, nesse momento, está sentindo a comichão, procure um médico, ou uma quina de parede, o que estiver mais perto...

Locomotiva
O Dnit, que por lei tem a propriedade das locomotivas que estão sob a guarda do Museu Ferroviário de Tubarão, resolveu, numa atitude discutível, ceder uma delas a um município carioca. O ato já saiu no Diário Oficial da União, e a qualquer momento podem vir buscar aqui um modelo Baldwin 53, que a Salv e o Museu Ferroviário restauraram. Tanto a direção do Museu quanto da Salv e o Poder Público já se movimentam para que tal transferência não se concretize. O Ministério Público já foi acionado. Um projeto de lei que visa regular o patrimônio cultural do município foi enviado à Câmara, e uma campanha para que a locomotiva fique por aqui deve ser deflagrada em breve. Afinal, esse trem faz parte da história do desenvolvimento de Tubarão e região.




OUTRAS COLUNAS









MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL