MENU

COLUNISTAS


Política

NÉIA LOPES




 
 

Sexta-feira, 21/06/2019, às 06:00

Apoio a Moro

Não se pode esconder que o apoio popular e o desempenho do ministro Sérgio Moro, em sua recente sabatina no Senado, deixam muito claro que a “crise” envolvendo interceptações de conversas entre o ex-juiz e procuradores da “Lava Jato” está completamente esvaziada. Quanto mais a oposição bate no ministro, mais sua popularidade cresce.

Eleição 2020
Com a recente decisão da comissão de constituição de justiça da Câmara, as eleições municipais do ano que vem estão mantidas, mas o tema unificação das eleições a partir de 2022 precisa ser amplamente discutido pelo Congresso e também pela sociedade. A adoção de eleição única geraria uma gigantesca economia de recursos públicos.

Reforma da Previdência
Para o prefeito Joares Ponticelli (PP), a retirada dos estados e municípios do projeto de Reforma da Previdência, proposta pelo presidente Bolsonaro, é uma ação irresponsável. O presidente da Fecam explicou que a estratégia será agir em conjunto com os governadores. “Quatro partidos já se dispuseram a apresentar destaques no plenário. Essa vai ser a estratégia, já que a gente percebe que na comissão vamos ter dificuldade de fazer essa inclusão”, disse.

Reforma da Previdência 2 
Ponticelli destacou, ainda, que a medida é extremamente necessária. “Não é séria uma reforma que não contemple a todos. O investidor já aguarda pela aprovação dessa reforma há anos e nós precisamos que ela aconteça para todos. No Brasil, nós temos 2.108 municípios com regimes próprios de previdência e precisamos que a regra seja unificada”, conclui.

Sem feriadão
A maioria dos municípios da Amurel decretou ponto facultativo hoje, promovendo, assim, um “feriadão” aos seus servidores. Apenas as prefeituras de Armazém, Braço do Norte, Capivari de Baixo, Jaguaruna, Pedras Grandes, Treze de Maio e Tubarão funcionam normalmente hoje.

Tabela do SUS
Em audiência na comissão mista do orçamento, a deputada Carmen Zanotto pediu ao ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, solução para a falta de reajuste da tabela de serviços do Sistema Único de Saúde (SUS). A parlamentar disse que a baixa remuneração paga pelos procedimentos é o principal motivo da evasão de profissionais nos hospitais filantrópicos e no próprio sistema.

Título
O deputado estadual Sargento Lima (PSL) protocolizou na Assemblei Legislativa um projeto de lei que visa revogar o título de cidadão catarinense concedido ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A proposta do parlamentar vem recebendo grande apoio popular.

Título 2
“Entendemos que não há motivos para a manutenção do título, tendo em vista que se trata de um ex-presidente que foi condenado por corrupção, condenação esta que o desqualifica como possuidor de virtudes éticas e idoneidade moral. Portanto, não é ele merecedor de tal homenagem do povo catarinense”, diz a justificativa do projeto.

DIZEM MAS EU NÃO AFIRMO
Que tem gente que gosta de “apanhar”...




OUTRAS COLUNAS









MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL