MENU

COLUNISTAS


Política

NÉIA LOPES




 
 

Quinta-feira, 10/01/2019, às 06:00

Caso de Capivari

O presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministro Napoleão Nunes Maia Filho, indeferiu liminarmente o mandado de segurança interposto pelo vereador capivariense Cristiano Praxedes com o objetivo de reverter a decisão do tribunal catarinense que determinou a posse do vereador Thiago Viana como presidente da Câmara para este ano. Praxedes foi eleito presidente para este ano na eleição promovida pelo ex-presidente Camilo, mas a votação foi anulada pelo TJ-SC.

Escolha de vagas
A prefeitura de Tubarão divulgou ontem em seu site (www.tubarao.sc.gov.br) o cronograma oficial de escolha de vagas de professores para a rede municipal de ensino, que terá início no próximo dia 28. O processo de escolha será realizado de forma presencial, na Unisul. No site também está disponível a lista com os documentos de apresentação obrigatória. 

Investimento 
Nesta semana o secretário de Desenvolvimento Econômico de Santa Catarina, Lucas Esmeraldino, reuniu-se com representantes da multinacional americana WestRock, que pretende investir ainda mais no Estado. O projeto previsto de ampliação da empresa em SC investirá R$ 1,2 bilhão em Três Barras, no Norte do Estado.

Investimento 2 
No encontro, Lucas destacou que Santa Catarina é um estado plural, multiétnico, de gente hospitaleira, de inúmeros talentos, com um ambiente totalmente dinâmico, favorável aos negócios e com opções seguras para investimentos.

Exonerações
  O governador Carlos Moisés tornou sem efeito as nomeações de Rita Maria Silva, para a gerência de educação de Lages, e de Edenice da Cruz Fraga, para a Coordenação Estadual da Igualdade Racial. Para a regional de educação de Lages, a nova indicada foi a professora Cláudia Maris Coelho Pezzi. Para a coordenadoria, o substituto ainda não anunciado.

Transição
Como é comum, a transição no governo estadual deve levar até 90 dias para ser concluída, ou seja, alterações nos cargos e na estrutura administrativa do Estado podem ser promovidas até final de março. Por isso, a permanência de comissionados do governo anterior em seus cargos não é garantia alguma.

Estatais
Em entrevista à rádio CBN, o novo ministro de Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, afirmou que o governo Bolsonaro está pensando em privatizar ou fechar cerca de 100 estatais. “Obviamente, a gente não está falando só de privatizações, mas também de liquidações de empresas que hoje não fazem tanto sentido, e o governo está levantando uma série de situações dessas para também promover liquidações, que de certa forma vão desonerar o orçamento. Desonerando o orçamento, vai sobrar dinheiro para investir em outras prioridades”, disse.

Rodovias
Na entrevista, o ministro também afirmou que o governo poderá transferir à iniciativa privada mais de 5.600 quilômetros de rodovias federais. “Temos que pegar todos os trechos que têm possibilidade de exploração comercial e passar para a iniciativa privada via concessão e via parceria público-privada. Isso vai fazer com que a gente, só na área da concessão, disponibilize para a iniciativa privada quase 9 mil quilômetros de rodovias.”

DIZEM MAS EU NÃO AFIRMO
Que tem muita gente na corda bamba...




OUTRAS COLUNAS









MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL